Páginas

6 de janeiro de 2012

Vlog: Crer ou não Crer - Vivemos pela lei?



Há algum tempo postamos aqui o primeiro video do Thiago que tinha um vlog chamado "Vlog de Crente" sugeri que ele mudasse o nome do Vlog e ele atendeu, o nome hoje é Crer ou não crer.


Nesse video Thiago conta uma situação recente que aconteceu com ele, quando eu ouvi o que ele contava fiquei triste, indignado com algumas coisas, peço que prestem bastante atenção no video:


Se você assistiu tudo e ainda não sentiu indignação pela falta de temor a Deus da liderança que tentou censurar o Thiago, continue lendo esse post. De tudo que o hermano falou no video, imaginei a cena comigo e me coloquei no lugar dele como sendo humilhado por pregar a verdade, por expor a bíblia, o evangelho verdadeiro e completo, é isso que fazem com os profetas (Que reproduzem o evangelho) apedrejam no.

O Mais intrigante não foi a forma como trataram Thiago na igreja mas como o trataram depois, logo após ter postado esse vídeo no youtube alguns comentários começaram a aparecer, de membros da igreja e até de ateus se divertindo do debate que se formou.

Thiago foi chamado de herege, mentiroso, hipocrita etc... em sua defesa pediu para que provasse que o que ele pregou é mentira, pediu que fizesse isso a luz da bíblia e não pela breve opinião de cada um, Thiago praticamente disse: "Me Julguem a luz da bíblia" Diferente de muitos que dizem: "Ninguem pode me julgar, sou ungido e acabou" 

Eu mesmo analisei cada palavra de Thiago a luz da bíblia e não encontrei nele mentira alguma, eu vi um jovem pregando aquilo que está escrito na bíblia e muitos homens (Quase a igreja toda) rejeitando, ignorando a palavra que estava sendo ministrada, seguindo de humilhação ao pregador.

"O Jugo colocado sobre algumas pessoas até hoje, é insuportável, quem coloca esse jugo geralmente carrega um bem leve e quando carrega" Thiago Sarame

Nos comentários não se viu mais que acusações e confrontos entre evangélicos (evangélicos?) Um show de analfabetismo bíblico e uma enchente de vergonha pra cima dos que prezam as verdades bíblicas.

Um garoto exigiu ver os frutos de Thiago, pois conheceremos os falsos profetas e os verdadeiros cristãos pelos frutos... O que me veio na cabeça imediatamente foi Jesus ao falar essas palavras nos colocou como cobradores de frutos? Porventura somos responsáveis pelos frutos dos nossos hermanos? Não veja essas perguntas de uma forma agressiva, tenho plena certeza que Jesus queria que cuidassemos dos nossos irmãos mas com Amor e sem cobrança  desse tipo, Cada vez que paramos para fiscalizar os frutos dos hermanos, perdemos tempo e não damos os frutos esperados.

Ore para que o verdadeiro evangelho seja pregado e que parem de maltratar os profetas (que reproduzem o evangelho). Só tenho uma palavra para o pessoal que humilhou o Thiago, Fariseus!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentem!
Comentem!